Confira nesse artigo algumas explicações sobre como vender no Mercado Livre.

O Mercado Livre é hoje o maior marketplace do Brasil e de toda a América do Sul.

Isso significa que ele é o site com maior número de vendas.

O número de pedidos é tão alto que a empresa hoje possui seu próprio sistema de entregas.

Publicidade

Esse sistema está apenas em algumas cidades e é conhecido como “Mercado Envios”.

 

Preciso ter empresa para vender no Mercado Livre?

Não, qualquer pessoa pode vender mesmo que não tenha empresa, basta apenas ser maior de idade, possuir CPF e morar no Brasil.

 

 Onde levar produtos que são vendidos?

Você deve levar na agência dos Correios mais próxima da sua residência

 

LEIA TAMBÉM

Aplicativos para Simular Tatuagem

TOP 100 Músicas Mais Tocadas em Setembro

Melhores Aplicativos de Relacionamento

Quanto o Mercado Livre cobra de taxa de comissão?

Isso varia de acordo com a categoria do produto, as comissões atualmente estão entre 11% até 19%.

Além disso, se o seu produto custar menos de R$79 é necessário pagar uma taxa de R$5 por unidade vendida.

Caso o produto custe acima de R$79, então é cobrada apenas a comissão do marketplace.

Porém, é preciso muita atenção, nesse caso porque produtos acima de 79reais devem oferecer Frete Grátis,.

Fique tranquilo que o próprio mercado livre informa os valores que serão descontados nesse caso.

O que você deve fazer para garantir seu lucro é acrescentar esse valor do frete no custo do seu produto.

 

É preciso emitir nota fiscal?

Não é obrigatório emitir nota fiscal se você se cadastrou como pessoa física ou como MEI Microempreendedor Individual.

É importante ressaltar que se você se cadastrar como empresa, mesmo que seja MEI e configurar a emissão de nota fiscal, o site vai te ver com outros olhos.

Vai mostrar seus anúncios para mais pessoas automaticamente porque ele entende o seu cadastro como “mais profissional” quando comparado ao vendedor que cadastrou seu CPF ao invés de CNPJ.

 

Tenho que vender produtos novos ou usados?

Você pode optar por qualquer um dos dois, ou até mesmo vender ambos ao mesmo tempo, isso fica a seu critério.

Mas é claro que isso vai variar dependendo do produto, é preciso bom senso para saber que a maioria das pessoas querem produtos novos.

 

Essas foram explicações para quem tem dúvidas sobre as regras do mercado livre, acompanhe nosso site para continuar lendo mais matérias sobre o assunto.